Os sindicatos e associações publicam nota de agradecimento aos servidores públicos do Estado que atenderam a convocação e aderiu a paralisação ocorrida quinta feira, dia 6/12.

A paralisação foi em protesto devido a não concessão do reajuste anual de 5,57% (data base/2012), que por Lei o Governo é obrigado a conceder a partir de 1º de outubro, bem como, acordo assinado pelo Secretário de Administração Lúcio Mascarenhas e os Presidentes dos sindicatos em março/2012.

A seguir a nota.

 

NOTA

Comunicação Social – 07/12/2012

 

As entidades classistas dos servidores públicos do Poder Executivo tocantinense enfatizam que a paralisação de 24 horas, realizada na última quinta-feira, 06, não foi uma decisão dos dirigentes sindicais como vem tentando mostrar o Governo. E sim, uma deliberação, votada e aprovada em Assembleia Geral Extraordinária Conjunta, por todos os servidores públicos, no dia 28 de novembro, em Palmas.

A luta dos servidores públicos e das entidades é tão somente para que a lei seja cumprida em nosso Estado. A data-base é um direito do servidor garantido pela Constituição Federal e por duas leis estaduais. Cabe ressaltar que, no exercício de 2012, apenas os servidores do poder Executivo ainda não receberam a revisão, que não é aumento salarial e sim correção das perdas inflacionárias.

Esperamos que o Governo do Estado se sensibilize e feche um acordo com a categoria. Reafirmamos que continuamos abertos à negociação.

Agradecemos a ampla adesão da categoria à mobilização, em todo o Estado. Apesar das ameaças e coibições por parte de alguns setores do Governo, os servidores públicos não se intimidaram e demonstraram sua indignação pelo atraso da data-base 2012, colocando centenas de faixas em frente aos órgãos públicos, na Capital e no interior do Tocantins.

Criado para divulgar as notícias do dia da mobilização, o blog http://paralisacaododia06.blogspot.com.br foi bastante visitado, inclusive com registro de 156 acessos internacionais, distribuídos entre os seguintes países: Estados Unidos, Alemanha, Canadá e Portugal.

Aproveitamos também para agradecer o apoio e colaboração de toda a imprensa tocantinense na cobertura e divulgação das ações da paralisação, bem como no esclarecimento da população sobre como funcionariam os serviços públicos.

 

Cleiton Pinheiro

Presidente do Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins – SISEPE-TO

 

Manoel Pereira de Miranda

Presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do Estado do Tocantins – SINTRAS-TO

 

José Roque Rodrigues Santiago

Presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação no Estado do Tocantins – SINTET – TO

 

Carlos Campos

Presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do Tocantins – SINDIFISCAL

 

Deusiano Pereira de Amorim

 Presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado do Tocantins – SINDEPOL

 

Nadir Nunes Dias

Presidente do Sindicado dos Policiais Civis do Estado do Tocantins – SINPOL

 

Ismael Sabino da Luz

Presidente do Sindicato dos Profissionais em Enfermagem do Estado do Tocantins – SEET

 

Cícero Guimarães Neto

Presidente do Sindicato dos Cirurgiões Dentistas do Estado do Tocantins – SICIDETO

 

Leia Ayres Cavalcante

Presidente do Sindicato dos Farmacêuticos do Estado do Tocantins – SINDIFATO

 

Janice Painkow

Presidente do Sindicato dos Médicos do Tocantins – SIMED

 

Gledston Vaz Vespúcio

Presidente do Sindicato dos Peritos Oficiais do Estado do Tocantins – SINDIPERITO

 

Luciano Lucas Silveira

Presidente do Sindicato dos Profissionais em Educação Física no Tocantins ( SINPEF-TO)

 

Luiz Carlos da Silva Leal

Presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita Estadual do Estado do Tocantins – SINDARE-TO

 

Marconi Pereira de Sousa

Presidente da Associação dos Sub-tenentes e Sargentos da PM/BM do Estado do Tocantins – ASSPMETO

 

Antônio Corsini de Melo Neto

Presidente da Associação Fraterna dos Oficiais da PM/BM do Estado do Tocantins – AFOPMETO

 

Raimundo Sulino dos Santos / Presidente da Associação dos Militares da Reserva, Reformados, da Ativa e seus pensionistas do Estado do Tocantins – ASMIR