ASMIR E ENTIDADES REPRESENTATIVAS DOS SERVIDORES PÚBLICOS COBRAM DATA-BASE 2020 E DIFERENÇA NÃO PAGA DE 2019

179
Print Friendly, PDF & Email

Associação dos Militares da Reserva, Reformados e Pensionistas do Estado do Tocantins (Asmir) é uma das entidades que assinaram ofício  em conjunto reivindicando do governo do estado, edição de Medida Provisória para implementar Data-Base 2020 com um índice de 2,46%, que corresponde ao Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC/IBGE) acumulado no período de maio de 2019 a abril de 2020.

O presidente da Asmir, Capitão Raimundo Sulino reforçou que os representantes dos militares e dos servidores públicos estaduais cobraram do governador Mauro Carlesse o pagamento da diferença da Data-base de 2019 de 4,0747%, pois a revisão geral do ano passado foi de apenas 1%, sendo que o INPC/IBGE do período foi de 5,0747%, o índice correto.

Confira abaixo a íntegra do ofício elaborado em conjunto:

OFÍCIO CONJUNTO 001_Data base 2020

 

Texto: ASCOM ASMIR