A Tenente-coronel PMTO Lucelita Maria Alves, é a primeira mulher a assumir uma cadeira na Academia de Letras Militares Estaduais do Brasil e do Distrito Federal – ALMEBRAS. A escritora ocupa a cadeira de número 25, que tem como patrono o médico, escritor e ex-prefeito de Palmas, Manoel Odir Rocha.

A sessão solene para a posse  foi realizada na última sexta-feira, 18, em São Luís, na sede da Procuradoria-Geral de Justiça do Estado do Maranhão.

A posse foi prestigiada por uma delegação formada pelo presidente da Asmir Capitão Sulino e alguns diretores da entidade.

Emocionada, em seu discurso de posse, Lucelita Maria, ressaltou que a arte de escrever sempre foi seu desejo, embora no início não tivesse clareza de qual estilo seguir. Mas, sempre buscou inspirações em autores e autoras iniciantes e consagradas como Conceição Evaristo, Cecília Meireles, Clarice Lispector e na poetisa Cora Coralina.

Ainda em seu discurso agradeceu a todos que a apoiaram e reconheceu o seu maior incentivador o escritor Manoel Odir Rocha.

“A porta para o universo das publicações foi aberta por ele, que foi também a primeira pessoa a ler meus escritos e prefaciou o meu primeiro livro, sentenciando a minha relação com a literatura. Ele se refere a mim nesse prefácio, como peregrina de incontáveis luas e chamou-me ainda artesã de palavras.”  Assim nomear a cadeira de número 25 com o nome de Odir Rocha é um ato de reconhecimento e de gratidão pelo legado literário que ele deixou para o mundo”, enfatizou.

 

A Tenente-coronel Lucelita Maria, é a primeira mulher a ocupar uma cadeira  na Casa de Letras – ALMEBRAS. O presidente da ALMEBRAS, coronel Ubirajara Anchieta Rodrigues destacou a representatividade feminina na Academia de Letras dos militares.

“Estamos muito felizes porque temos uma mulher representando todas as mulheres no Brasil. Certamente no futuro teremos outras. Afinal, somos militares, mas também somos professores universitários, poetas e escritores com uma participação muito grande na literatura brasileira com produção técnica e científica em nossas comunidades”, acrescentou.

Na mesma sessão solene, o presidente da Academia de Letras, Ciências e Artes dos Militares do Tocantins – ALCAM-TO, coronel Joaidson Albuquerque, tomou posse como membro de Honra da Diretoria Executiva da Academia de Letras dos Militares Estaduais da Paraíba.

 

Conambras

 

Ainda em São Luís, foi realizado durante o fim de semana, o 1°Congresso Nacional das Academias de Letras Militares do Brasil – Conambras. O evento foi uma iniciativa da Academia Maranhense de Letras e Artes Militares – Amclam.

 

Academias de Letras Militares

 

Em todo o país, existem nove academias de Letras Militares, a mais nova é a Academia de Letras, Ciências e Artes dos Militares do Tocantins – ALCAM – TO, que foi criada em 14 de setembro de 2022.

No início do próximo ano haverá a posse de novos membros, tanto da PMTO quanto do CBMTO.