quinta-feira, fevereiro 29, 2024
DestaqueFeaturedNotícias

Presidente da Asmir, TC RR Adão, e Diretor de Relações Públicas da Associação, Capitão RR Pantaleão, tomam posse na Alcam (Academia de Letras, Ciências e Artes dos Militares do Estado do Tocantins)

Em cerimônia realizada no Quartel do Comando Geral da Polícia Militar (QCG), na noite desta quarta-feira (23) a Academia de Letras, Ciências e Artes dos Militares do Estado do Tocantins (ALCAM-TO) deu posse a novos membros. O evento reuniu uma notável lista de convidados, incluindo representantes de diversas autoridades e academias de letras, bem como membros da Associação dos Militares da Reserva, Reformados e Pensionistas do Estado do Tocantins (Asmir).

Durante a solenidade, o presidente da Asmir, tenente-coronel PM RR Adão Sousa Lima, tomou posse como sócio benemérito da ALCAM-TO. “A Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros Militar do Tocantins sempre estiveram comprometidos com a proteção e o bem-estar da população. Hoje, vemos essa dedicação refletida não apenas em nossos serviços, mas também na expressão artística e literária de nossos próprios membros, que dispõem de um espaço para compartilhar suas vozes e perspectivas únicas, e, para mim é uma honra fazer parte dessa iniciativa”, comentou o presidente.

Já o Diretor de Relações Públicas e Promoção Social da Asmir, Capitão PM RR Josenildo Pantaleão, tomou posse da cadeira número 7 de Artes da ALCAM-TO, e também expressou sua visão sobre a união entre os campos da arte e da segurança: “A criação da ALCAM-TO representa uma ponte entre a disciplina militar e a liberdade criativa da arte. É uma oportunidade de revelar as múltiplas facetas dos membros das forças de segurança, mostrando que somos também pensadores, criadores e contadores de histórias.”

SOBRE A ACADEMIA DE LETRAS

A ALCAM-TO, fundada em 2022, nasceu com o objetivo de estimular a produção literária, artística e científica entre os militares ativos e da reserva, tanto praças quanto oficiais, da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar. O Coronel da Reserva PM Joaidson Torres De Albuquerque, a Tenente-coronel da Reserva BM Lucelita Maria Alves, o Major Carvílio Soares Marinho, o Major Laureno Justiniano Tebas e o Major PM Sérgio Nunes dos Santos, são os fundadores.

A academia é composta por três categorias de associados: os membros efetivos e perpétuos, que ocupam as cadeiras privativas destinadas aos militares ativos e inativos; os sócios correspondentes, que podem ser pensionistas, dependentes, civis, escritores, artistas ou pesquisadores; e os sócios beneméritos, indivíduos ou entidades que apoiam e contribuem para as necessidades e objetivos da instituição.